Lançamento Kawasaki 2018!
Lançamento Kawasaki 2018!
Exclusivo para usuários registrados!
Camisetas e Adesivos Exclusivos!
Keep calm and keep in touch!
Clique e venha participar!
Entre para a maior comunidade Kawasaki Ninja da América Latina.

Informativo

Colapso
Nenhum Informativo ainda.

Apresentação Ninja 400

Colapso
X
  • Filtro
  • Data
  • Mostrar
Limpar tudo
novos posts

  • #16
    Aí Murilo, continua informando o pessoal sobre detalhes da moto como consumo, ciclistica, pneus, câmbio, conforto, ergonomia, refrigeração, etc ...

    Tenho certeza que tem muita gente esperando essa informações para "partir pro crime". kkkkkkkkkkkkkk

    Comente


    • #17
      Boa Bruce !!

      Estava na correria por estes dias kkkk

      Atualizando aqui conforme seu pedido e na ordem!

      Consumo está por volta de 19~22 km por litro, considero tolerável e praticamente igual a 250r que tinha. Sobre a ciclística, ao meu ponto de vista é perfeita, nas curvas ela se deita sozinha kkkk.

      Os pneus já são bastantes conhecidos, sendo os Pirelli Diablo Rosso II, 110 na frente e 150 traseiro... Cambio o de sempre da kawasaki, 1° marcha aquele solavanco, mas as demais marchas entram suaves e justas. Um detalhe para a embreagem, que além de deslizante é muito macia, parece uma embreagem hidráulica....

      Conforto é aquela história kkkk, pra um é razoavel, mas com garupa não gostei não, principalmente na rodovia, é bem cansativo. Na minha estatura, 1,78m e 90kg, a moto encaixou perfeitamente..

      Detalhe, na cidade a moto esquenta a beça, porém agora não joga o ar quente nas pernas, ele é direcionado para baixo dos 2 lados da moto, quando aciona a ventoinha.

      No mais é isso, coloquei uma ponteira Jeskap GP3, senti uma melhora em altos giros, que no escapamento original parecia estrangulada, porém em rotações baixas senti uma perca no torque, mas achei excelente o resultado com a troca da ponteira. O barulho é característico dos 2 cilindros, porém com essa ponteira ficou bem grave e alto o ronco. Assim que possível irei colocar fotos aqui com o escape e um vídeo com o ronco da máquina.

      Hoje ela está com 1800km, até agora não encontrei nenhuma característica na moto que a desqualifique, é uma ótima moto!!

      Por hoje é isso pessoal, espero que consiga tirar as dúvidas de vocês!!

      Extra kkkk > Domingo tive a oportunidade de acelerar com um amigo, ele tem uma Susuki GSX 650F 2008, deixei ele pra trás até os 190km/h kkkkkk, fiquei surpreso com a ninja 400, na arrancada está fantástica!!

      Comente


      • #18
        Originalmente postado por Murilo Silva Ver postagem
        Boa Bruce !!


        Consumo está por volta de 19~22 km por litro, considero tolerável e praticamente igual a 250r que tinha. Sobre a ciclística, ao meu ponto de vista é perfeita, nas curvas ela se deita sozinha kkkk.

        Bom consumo, inclusive se comparada a concorrência. Quanto a ciclística, você descreveu uma Yamaha. kkkkkkkkkkk

        Os pneus já são bastantes conhecidos, sendo os Pirelli Diablo Rosso II, 110 na frente e 150 traseiro... Cambio o de sempre da kawasaki, 1° marcha aquele solavanco, mas as demais marchas entram suaves e justas. Um detalhe para a embreagem, que além de deslizante é muito macia, parece uma embreagem hidráulica....

        Tem umas hidráulicas, tipo a da V-Rod, que parece um pedal de Fusca de tão pesada.

        Conforto é aquela história kkkk, pra um é razoavel, mas com garupa não gostei não, principalmente na rodovia, é bem cansativo. Na minha estatura, 1,78m e 90kg, a moto encaixou perfeitamente..

        Detalhe, na cidade a moto esquenta a beça, porém agora não joga o ar quente nas pernas, ele é direcionado para baixo dos 2 lados da moto, quando aciona a ventoinha.

        Boa notícia, mas não deveria esquentar tanto. Por acaso, chega a afetar a marcha lenta, embaralhar o motor ou é só calor mesmo ?

        No mais é isso, coloquei uma ponteira Jeskap GP3, senti uma melhora em altos giros, que no escapamento original parecia estrangulada, porém em rotações baixas senti uma perca no torque, mas achei excelente o resultado com a troca da ponteira. O barulho é característico dos 2 cilindros, porém com essa ponteira ficou bem grave e alto o ronco. Assim que possível irei colocar fotos aqui com o escape e um vídeo com o ronco da máquina.

        Hoje ela está com 1800km, até agora não encontrei nenhuma característica na moto que a desqualifique, é uma ótima moto!!

        Fico feliz por você. É o que espera quando se desembolsa uma boa soma em uma moto.

        Por hoje é isso pessoal, espero que consiga tirar as dúvidas de vocês!!

        Extra kkkk > Domingo tive a oportunidade de acelerar com um amigo, ele tem uma Susuki GSX 650F 2008, deixei ele pra trás até os 190km/h kkkkkk, fiquei surpreso com a ninja 400, na arrancada está fantástica!!
        Obrigado pelo retorno e continue postando.

        Comente


        • #19
          Salve Salve a todos. Finalmente me tornei mais um "ninjeiro. Recentemente adquiri minha ninja 400 que tanto desejava.

          Realmente tudo o que o Murilo Silva disse tenho que concordar. Atualmente andei apenas 600 km, o consumo fica por volta dos 17,5 km/l, no período de amaciamento. Inicialmente achei a suspensão rígida, mas com o tempo ela foi amolecendo ou eu que fui acostumando kkk.

          Sobre o conforto (posição) e garupa o Murilo disse tudo. O sobrepeso que o garupa faz sobre o piloto é horrível, mas já era de se esperar de uma mini esportiva. Da pra relevar.

          A moto aquece um pouco mesmo, mas não é nada de mais. O calor é muito bem dissipado para fora das pernas quando a moto está em movimento e quando a ventoinha é acionada. Nada que interfira na marcha lenta o no desempenho do moto. Pelo contrário, a moto se desenvolve mais quando está quente principalmente na "cambiação" que fica mais suave.

          Vale ressaltar algo que não foi mencionado é sobre sua estabilidade. Moto extremamente firme nas retas com a dianteira estável (sem shimar) e nas curvas a moto entra que é uma beleza.

          A moto é linda esteticamente, corres, traçados, faróis...apenas os retrovisores são estranhos, eles são enormes deixam ela meio orelhuda, porém o campo de visão dela é ótimo.


          Abraço!!!

          Última edição por WerickSnk; 04-12-2018, 12:07:20.

          Comente


          • #20
            Boa WerickSnk , a motinha é realmente muito show.. ja andei 2.200 km e ainda me surpreendo com essa moto kkkkk

            Bruce , não tive oportunidade de andar em uma yamaha, mas se é igual a kawasaki, então é show de bola hahahahaha

            Como o amigo acima disse, não embaralha a marcha lenta quando aquece, fica estavel.
            Uma coisa que percebi esses dias, estava um calor danado, por volta das 12:30, dei uma esticada até o vermelho em todas as marchas, quando parei a moto em casa a ventoinha estava ligada e a temperatura do motor estava bem alta, deixei a moto ligada por 5 minutos certinhos até desligar a ventoinha e baixar a temperatura... Confesso que fiquei meio preocupado por demorar tanto tempo a moto esfriar.

            Vou tentar upar o video que fiz do escape, ficou show o barulho.

            Comente


            • #21
              Esta semana notei um leve problema na moto, o radiador de alumínio. As "aletas" são fáceis de dobrarem com as pedrinhas que batem sobre ela, providenciei um protetor pro radiador pra minimizar o problema, pois acredito que no futuro isso possa se agravar.

              Murilo Silva a minha também aquece um pouco. Normalmente ela anda com 3 a 4 pinos no painel e parece que com 4 pinos ela liga a ventoinha. Porém, quanto mais acelero mais ela esfria. Nas esticadas acredito que o volume de ar aumenta e ajuda na refrigeração.

              Comente


              • #22
                Radiadores de alumínio tem essa característica de fragilidade, portanto, não é um problema, mas há de se ter cuidados, com certeza.

                Comente


                • #23
                  Boa galera! tudo beleza?

                  domingo agora tive a oportunidade de conhecer um lugar próximo da minha cidade. Chama Bueno de Andrada, localizado no município de Araraquara-SP. Saímos eu e um amigo de viagem cedinho. Foram exatamente 410 KMs de ida e volta. Fomos na maciota, velocidade de cruzeiro entre 100 km/h a 120 km/h. Chegamos no destino por volta de meio dia, apreciamos a coxinha, especialidade do local, muito boa de fato.
                  Paramos em um posto na saída de Araraquara para completar o tanque e fiquei muito satisfeito com o consumo que a ninja apresentou andando na velocidade de cruzeiro, exatos 24,9 km/l. No painel acusava metade do tanque, porém foi um pouco mais que isso, cerca de 8,5 litros (não me recordo exatamente). Nunca consegui essa média andando na ninja 250r que tinha.

                  A moto passa muita confiança na pista, é muito estável e quando precisa ultrapassar caminhões longos, é só acelerar que ela vai embora.

                  O ponto negativo que apareceu logo nos primeiros 100 kms, pelo menos pra mim... foi o banco do motorista, viagens curtas não incomoda, mas essa viagem que fiz, que considero longa, foi bastante cansativa. Na volta por conta do calor absurdo e do incômodo com o banco, tivemos que parar 4 vezes para esticar as pernas e ficar em pé kkkkk

                  Recomendo a quem more perto de Araraquara, se ainda não foi, dê uma passada por Bueno de Andrada, bastantes motociclistas se reúnem lá, e as coxinhas, são divinas hahahaha

                  Comente


                  • #24
                    Originalmente postado por Murilo Silva Ver postagem
                    ... Foram exatamente 410 KMs de ida e volta. Fomos na maciota, velocidade de cruzeiro entre 100 km/h a 120 km/h.... a ninja apresentou andando na velocidade de cruzeiro, exatos 24,9 km/l. No painel acusava metade do tanque, porém foi um pouco mais que isso, cerca de 8,5 litros (não me recordo exatamente). Nunca consegui essa média andando na ninja 250r que tinha...
                    Excelente média. Acredito que seja em razão da relação peso/potência.

                    A Ninjinha 250 pode ter menos cavalaria, o que em tese implicaria em menor consumo. mas no final das contas ela pesa tanto quanto a Ninja 400, por isso o consumo fica prejudicado.
                    Última edição por Bruce; 18-12-2018, 09:23:56.

                    Comente


                    • #25
                      Originalmente postado por Murilo Silva Ver postagem
                      Boa galera! tudo beleza?

                      domingo agora tive a oportunidade de conhecer um lugar próximo da minha cidade. Chama Bueno de Andrada, localizado no município de Araraquara-SP. Saímos eu e um amigo de viagem cedinho. Foram exatamente 410 KMs de ida e volta. Fomos na maciota, velocidade de cruzeiro entre 100 km/h a 120 km/h. Chegamos no destino por volta de meio dia, apreciamos a coxinha, especialidade do local, muito boa de fato.
                      Paramos em um posto na saída de Araraquara para completar o tanque e fiquei muito satisfeito com o consumo que a ninja apresentou andando na velocidade de cruzeiro, exatos 24,9 km/l. No painel acusava metade do tanque, porém foi um pouco mais que isso, cerca de 8,5 litros (não me recordo exatamente). Nunca consegui essa média andando na ninja 250r que tinha.

                      A moto passa muita confiança na pista, é muito estável e quando precisa ultrapassar caminhões longos, é só acelerar que ela vai embora.

                      O ponto negativo que apareceu logo nos primeiros 100 kms, pelo menos pra mim... foi o banco do motorista, viagens curtas não incomoda, mas essa viagem que fiz, que considero longa, foi bastante cansativa. Na volta por conta do calor absurdo e do incômodo com o banco, tivemos que parar 4 vezes para esticar as pernas e ficar em pé kkkkk

                      Recomendo a quem more perto de Araraquara, se ainda não foi, dê uma passada por Bueno de Andrada, bastantes motociclistas se reúnem lá, e as coxinhas, são divinas hahahaha
                      Show de Bola de consumo médio Murilo Silva, não vejo a hora de pega estrada com a minha. Ainda não fiz a primeira revisão, estou aguardando a quilometragem certa pra poder fazer a revisão e pega estrada o quanto antes.

                      Ontem instalei o protetor do radiador, até agora tudo normal, vale a pena a proteção. É muito fácil de instalar, o radiador já vem com os furos para alocar o protetor. Vou deixar o link onde comprei o produto
                      https://www.kazumotos.com.br/proteto...94AxZ04uDhQYFQ

                      Comente


                      • #26
                        https://www.kazumotos.com.br/proteto...94AxZ04uDhQYFQ

                        Comente


                        • #27
                          Boa noite galerinha.. Feliz ano novo a todos!!


                          Originalmente postado por Bruce Ver postagem

                          Excelente média. Acredito que seja em razão da relação peso/potência.

                          A Ninjinha 250 pode ter menos cavalaria, o que em tese implicaria em menor consumo. mas no final das contas ela pesa tanto quanto a Ninja 400, por isso o consumo fica prejudicado.
                          De fato Bruce, se ir com mão de fadas ela faz uma média boa, mas se enrolar o cabo, a bichinha bebe, chega a assustar hahahahaha

                          WerickSnk , interessante esse protetor, não mudou em nada em relação a temperatura do motor? fico com receio de colocar e ter problemas com refrigeração em baixas velocidades..

                          Abraço a todos

                          Comente


                          • #28
                            Originalmente postado por Murilo Silva Ver postagem
                            Boa noite galerinha.. Feliz ano novo a todos!!




                            De fato Bruce, se ir com mão de fadas ela faz uma média boa, mas se enrolar o cabo, a bichinha bebe, chega a assustar hahahahaha

                            WerickSnk , interessante esse protetor, não mudou em nada em relação a temperatura do motor? fico com receio de colocar e ter problemas com refrigeração em baixas velocidades..

                            Abraço a todos
                            Murilo Silva não notei diferença alguma. O protetor é bem vazado e muito bem acabado. Na cidade quando ando no trânsito o máximo que o termômetro já marcou foi 5 pinos, nunca encheu todo o marcador. Já na rodovia ficou entre 3 a 4 pinos. Isso, antes e depois da instalação do protetor.
                            Abraço!!

                            Comente

                            Aguarde...
                            X